quarta-feira, 3 de março de 2010

Pensamento socialista

Palácio Anchieta escadas Os sinais que rondam o cenário político nacional em torno da possível desistência do deputado federal Ciro Gomes (PSB) de disputar a Presidência da República nas eleições deste ano estão deixando alguns socialistas do Estado empolgados com a possibilidade do parlamentar disputar o governo de São Paulo, pois poderia fortalecer a candidatura do senador Renato Casagrande (PSB) ao Palácio Anchieta.

O presidente Lula (PT) já sinalizou que quer negociar com o PSB. Tudo para não ter Ciro no caminho da ministra-chefe da Casa Civil, Dilma Rousseff (PT), que também é pré-candidata à Presidência.

Recentemente o Presidente ofereceu a coordenação-geral da campanha da ministra para o deputado e mais dois ministérios, além dos que o PSB já possui no governo. Os socialistas querem colocar em negociação ainda, os estados. Com isso, o partido poderia até dobrar seu número de governadores. No Ceará, Pernambuco e Rio Grande do Norte, as conversas se intensificam.

ciro-gomes O partido estaria disposto a negociar, tendo em vista que Ciro (foto) não sai dos 11% nas pesquisas. Em troca, Dilma teria seu apoio e ainda um palanque para bater no seu provável adversário, o governador de São Paulo, José Serra (PSDB).

Para isso, Lula teria que “solicitar a ajuda” de alguns partidos nos estados para dar musculatura às candidaturas socialistas. No Espírito Santo, a ministra teria dois palanques, pois o vice-governador e também pré-candidato ao governo, Ricardo Ferraço, já declarou apoio à petista.

Alguns socialistas capixabas acreditam que não haverá espaço suficiente para PR, PT e PDT na aliança palaciana. Por isso, estão de olho nos republicanos e pedetistas, que também detêm dois dos maiores colégios eleitorais do Espírito Santo: Vila Velha e Serra. Será que Lula conseguiria quebrar o elo tão forte que liga os prefeitos Neucimar Fraga e Sérgio Vidigal ao vice-governador? Já o PT, deverá compor chapa com Ferraço.

Na reunião da Executiva estadual do PSB, que aconteceu esta semana, o propósito de lançar o senador ao governo permaneceu firme. No próximo dia 13, eles fazem um grande evento na Universidade Federal do Espírito Santo (Ufes), para prestação de contas de Casagrande. Mas quem acha que será o momento que ele irá se lançar candidato oficialmente, engana-se.

Renato e Ferraço Há quem avalie que não é necessário dar lugar para possíveis desgastes com o governador Paulo Hartung (PMDB), que já declarou ter “agulha e linha forte” para unir Casagrande e Ferraço.

Até porque, o socialista não precisa se licenciar do mandato para a disputa e também não vai se licenciar antes de julho, quando começa a campanha de fato.

Os socialistas acreditam ainda que nesse período haverá uma possibilidade maior de adesão dos prefeitos, pois os recursos constantes das parcerias do pacote de investimento de R$ 1 bilhão do governo do Estado já estarão empenhados.

As inserções que o partido tem exibido na TV já demonstram claramente que a candidatura do senador não tem volta, pelo menos é o que nove em cada 10 socialistas têm dito atualmente.

  • Eleita. A deputada federal e vice-presidente nacional do PT, Iriny Lopes, foi eleita ontem para presidir a Comissão de Direitos Humanos da Câmara dos Deputados. A petista já passou pelo cargo no ano de 2005.
  • Agenda I. Ao lado, foto exclusiva da agenda que gerou a denúncia do Ministério Público Federal (MPF) contra a Agenda Sueli Vidigal deputada federal Sueli Vidigal e seu marido, o prefeito Sérgio Vidigal, ambos do PDT, na Justiça Eleitoral por propaganda eleitoral antecipada.
  • Agenda II. Pelo seu Twitter, a pedetista me mandou a seguinte mensagem: “Só para tranquilizar os torcedores. Não foram MIL agendas. Foram (distribuídas) só para os amigos mais chegados e pagas por nós.”

Quer receber as atualizações desse blog todos os dias por e-mail? Então envie uma solicitação para fernandomendes.fm@gmail.com.

Siga-me no Twitter!

2 comentários:

  1. Que cara de pau dessa deputada hein? ou seria cara de photoshop?

    ResponderExcluir
  2. De photoshop,é claro.....

    ResponderExcluir