segunda-feira, 26 de outubro de 2009

A resposta dos tucanos

Quem pensa que os tucanos ficarão de bico fechado depois da exoneração do presidente estadual do PSDB, Ricardo Santos, do comando da Secretaria de Estado da Agricultura (Seag), na semana passada, está muito enganado.

O fato ainda promete agitar o plenário da Assembleia Legislativa esta semana. Antes de deixar a pasta, os tucanos levantaram tudo a respeito do tal trator que seria fruto de uma emenda do deputado Luciano Pereira (DEM) e entregue para a comunidade de Massucatti, em Águia Branca, no interior do Estado. O democrata acusou Ricardo de fazer uso eleitoral da secretaria com sua emenda, entre outras críticas.

Dias atrás, a polícia retirou o trator da comunidade e o expôs na frente da Prefeitura de Águia Branca. O único tucano que restou na Assembleia, o deputado César Colnago, ex-titular da Seag, deverá discursar em resposta às declarações de Luciano, que deverá contar com o apoio dos governistas na defensiva.

Colnago vai apresentar documentos e alegar que nunca existiu emenda do democrata, além de defender o nome de Ricardo Santos e sua trajetória. O ex-secretário não apareceu até agora, está mergulhado e não falou sobre o caso. O bate-boca em plenário já é dado como certo.


  • Segundo. Com a denúncia do Ministério Público do Espírito Santo (MP-ES) contra o deputado estadual Robson Vaillant (DEM), ele se torna o segundo membro da Corregedoria daquela Casa que é atingido por acusação de ficar com parte do salário de seus assessores.
  • Primeiro. O primeiro foi o Freitas (PSB), que depois de muitas trapalhadas da Corregedoria, teve seu processo arquivado. E agora com Vaillant, colega de partido do presidente da Casa, Elcio Álvares (DEM)? Será que vai ser diferente?
  • Fiscalização. O argumento da Mesa Diretora da Assembleia de que gabinete é responsabilidade de deputado, já é antigo. Falta mesmo é fiscalização para evitar esquemas de rachid e de assessores fantasmas, que de tempo em tempo são revelados naquela Casa.

Para fazer parte do mailing do blog e recebê-lo em seu e-mail, mande uma mensagem para fernandomendes.fm@gmail.com

Siga-me no Twitter!

6 comentários:

  1. Alceu Pimentel - Mantena27 de outubro de 2009 10:07

    Esse deputado Luciano não nega o DNA que tem: é falcatrua igualzinho o pai, Edinho, que foi cassado por corrupção na Prefeitura de Barra de São Francisco.Coitado do povo desse lugar que tá muito mal representado com os Pereira e os dos Anjos da vida...

    ResponderExcluir
  2. Falcatrua é esse tal de César Colnago, que precisa roubar emendas de outros deputados, e não foi só a do Luciano, para conseguir uns votinhos. Não se garante nas urnas! Essa é a política capixaba!!!!

    ResponderExcluir
  3. Quem reivindicou a máquina em processo proprio foi a Associação de Pequenos Produtores de Massucatti, atendida após parecer técnico avalizado pelo Incaper. O deputado entrou de bicão e se apropriou indevidamente do benefício alegando ser de emenda sua. Mentira deslavada.Esse deputado deveria ser preso pro apropriação indébita de um bem público. Os documentos estão à disposição de qualaquer cidadão no setor próprio da Seag confirmando a veracidade dos fatos e provando que o deputado filho do prefeito corrupto é tão corrupto quanto o pai e deveria perder o mandato.

    ResponderExcluir
  4. Uma pena que César Colnago e seu "bando" não tenham coragem de vir a público provar o que Pimentel está dizendo...assim, ficaria mais fácil ele obter mais alguns votinhos nas urnas em 2010, já que dizem por aí que ele vai recuar na candidatura para a Câmara Federal por já não ter certeza se leva uma cadeira. Dizem, inclusise, que não consegue nem se reeleger.

    ResponderExcluir
  5. Apropriação indébita???
    Afinal, o trator foi parar na garagem do Deputado??? Não entendi.
    Pelo que tinha entendido, quem desviou o trator da garagem da empresa contratada e levou até a Associação SEM a AUTORIZAÇÃO da própria SEAG - como o próprio Ricardo Santos afirmou em Jornais de circulação estadual - foi o funcionário nomeado no Gab do Deputado César Colnago - Jailson Quiuqui, que diga-se de passagem, Ex-prefeito do município.

    Foi diferente???

    ResponderExcluir
  6. Que o Luciano Pereira não tem moral para falar de ninguém é fato.

    a. Saiu pelas portas dos fundos do PSB;
    b. Deveria ter sido cassado, se não fosse a benção de PH I na votação do pleno do TRE;
    c. Seu DNA fala por si só.

    Agora o tal do César Conalgo não deixa nada a desejar para o Luciano, certamente não é a pessoa mais indicada para defender o pobre ex-secretário-tesourado-pelos-deputados-plebeus Ricardo Santos.

    ResponderExcluir